quinta-feira, 24 de maio de 2012

Alma Perfumada



Tem gente que tem cheiro de passarinho quando canta. 
De sol quando acorda. 
De flor quando ri.


Ao lado delas, a gente se sente no balanço de uma rede que dança gostoso numa tarde grande, sem relógio e sem agenda. 
Ao lado delas, a gente se sente comendo pipoca na praça. Lambuzando o queixo de sorvete. Melando os dedos com algodão doce da cor mais doce que tem pra escolher. O tempo é outro. E a vida fica com a cara que ela tem de verdade, mas que a gente desaprende de ver.


Tem gente que tem cheiro de colo de Deus. De banho de mar quando a água é quente e o céu é azul. 

Ao lado delas, a gente sabe que os anjos existem e que alguns são invisíveis. 
Ao lado delas, a gente se sente chegando em casa e trocando o salto pelo chinelo.

Ao lado delas, a gente não acha que o amor é possível, a gente tem certeza. Ao lado delas, a gente se sente visitando um lugar feito de alegria. Recebendo um buquê de carinhos. Abraçando um filhote de urso panda. Tocando com os olhos os olhos da paz. 
Ao lado delas, saboreamos a delícia do toque suave que sua presença sopra no nosso coração.

Tem gente que tem cheiro de cafuné sem pressa. Do brinquedo que a gente não largava. Do acalanto que o silêncio canta. De passeio no jardim. 
Ao lado delas, a gente percebe que a sensualidade é um perfume que vem de dentro e que a atração que realmente nos move não passa só pelo corpo. Corre em outras veias. Pulsa em outro lugar. 
Ao lado delas, a gente lembra que no instante em que rimos Deus está conosco, juntinho ao nosso lado. E a gente ri grande que nem menino arteiro.


Tem gente como você que nem percebe como tem a alma Perfumada!
E que esse perfume é dom de Deus.


Por: Ana Claudia Saldanha Jácomo

domingo, 20 de maio de 2012



"Hoje me deu vontade de agradecer à vida. 
Hoje percebi que devo agradecer todos os dias pelo sorriso sincero, o abraço apertado, o beijo de boa noite, o sermão escutado. É que hoje me deu vontade, involuntária/natural, de amar. 
Uma certa pressa de ser feliz e não perder um minuto se quer. 
Hoje eu amo, ontem eu amei. E o mais incrível é que vou amar amanhã..."


Arthur Gouveia

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Homenagem aos eternos protetores de animais

Interessante como absolutamente nada acontece por mero acaso... 
Dias desses em uma livraria especializada em literatura espírita, me deparei com o título: "Errar é humano...perdoar é canino"! Simplesmente não resisti então o comprei. Acabei tão rápido que decidi ler outro que abordasse o mesmo tema. Durante uma das minhas pesquisas na internet, deparei com o belo texto que publico abaixo....lindo....lindo demais...



Dizem os espíritas que todos os animais de estimação, assim como nossos parentes queridos, nos aguardam no outro lado quando morremos... Se assim for....segue uma história... O pequeno filhote e o cão mais velho estavam deitados à sombra, sobre a grama verde, observando os reencontros. Às vezes um homem, às vezes uma mulher, às vezes uma família inteira se aproximava da Ponte do Arco-Íris, eram recebidos por seus animais de estimação com muita festa e eles cruzavam juntos a ponte.


Derepente, houve um grande tumulto na ponte e o filhotinho cutucou o cão mais velho: 
-"Olha lá!Tem alguma coisa maravilhosa acontecendo!"
O cão mais velho se levantou e latiu: "Rápido! Vamos até a entrada da ponte!"
"Mas aquele não é o meu dono", choramingou o filhotinho; mas ele obedeceu.


Milhares de animais de estimação correram em direção àquela pessoa vestida de branco que caminhava em direção à ponte. Conforme aquela pessoa iluminada passava por cada animal, o animal fazia uma reverência com a cabeça em sinal de amor e respeito.


A pessoa finalmente aproximou-se da ponte, onde foi recebida por uma multidão de animais que lhe faziam muita festa. Juntos, eles atravessaram a ponte e desapareceram. O filhotinho ainda estava atônito: "Aquilo era um anjo?", perguntou baixinho. "Não, filho", respondeu o cão mais velho. "Aquilo era mais do que um anjo. Era uma protetora de animais que passou seu tempo na terra salvando vidas e olhando por nós..."  


Texto: extraídos da internet 
Imagens: internet e do meu gatinho posando para a minha objetiva..  

Senhor, acalma meu passo




Desacelera as batidas do meu coração, acalmando minha mente. 
Diminui meu ritmo apressado com a visão da eternidade do tempo. 
Em meio às confusões do dia-a-dia, dá-me a tranquilidade das montanhas. 
Retira a tensão dos meus músculos e nervos com a música suave 
dos rios de águas constantes que vivem em minhas lembranças. 


Ajuda-me a conhecer o poder mágico e reparador do sono. 
Ajuda-me a me preparar bem para o repouso de todas as noites, lembrando-me sempre que enquanto dorme meu corpo, eu, espírito, adentrarei o verdadeiro mundo e irei aos lugares que a minha mente 
elegeu como meu tesouro. 


Ensina-me a arte de tirar pequenas férias: 
reduzir o meu ritmo para contemplar uma flor, papear com um amigo, afagar uma criança, ler um poema, ouvir uma música preferida. 
Ensina-me a ter olhos de ver a beleza do céu azul, um raio de sol, 
a chuva da tarde, o cair da noite, 
com seu manto aveludado bordado de estrelas. 


Acalma meu passo, Senhor, para que eu possa perceber no meio do incessante labor cotidiano dos ruídos, lutas, alegrias, cansaços ou desalentos, a tua presença constante no meu coração. 
Acalma meu passo, Senhor, para que eu possa entoar o cântico da esperança, sorrir para o meu próximo e calar-me para escutar a tua voz. 
Acalma meu passo, Senhor, e inspira-me a enterrar minhas raízes no solo dos valores duradouros da vida, para que eu possa crescer até às estrelas do meu destino maior. 



Obrigado, Senhor, pelo dia de hoje, pela família que me deste, pelo meu trabalho e, sobretudo, pela tua presença em minha vida. 
Tudo isto te peço, Senhor, pois se estás comigo, em nenhum lugar me sentirei triste, porque, apesar da tragédia diária, tu enches de alegria o universo. 
Se estás comigo, não tenho medo de nada, nem de ninguém, porque nada posso perder e todas as forças do cosmos são impotentes 
para tirar-me o que me pertence, na qualidade de filho de Deus: o teu amor. 


Se estás comigo, tudo executarei em teu nome. 
Enfim, em nenhum lugar me sentirei estranho, deslocado,porque estás em todas as regiões, na mais suave de todas as paisagens, no limite indeciso de todos os horizontes... 
Também as bênçãos de Deus se espelham sobre todas as criaturas, porém, para que as possamos sentir, dulcificando-nos as vidas, é preciso que nos unamos, em sintonia feliz, a essas faixas de luz. 
E esta sintonia se chama ORAÇÃO!


Texto: Localizei na internet, mas não consegui lincar a um autor/livro 
Imagem: Internet